terça-feira, 29 de dezembro de 2015

São Bento da Porta Aberta

O Santuário de São Bento da Porta Aberta tem esse nome porque a ermida (construída em 1615) tinha sempre as portas abertas servindo de abrigo aos viajantes. 

Tivemos aqui uma pequena paragem para conhecer o Santuário e para o Diogo aproveitar para ver e ouvir o sino tocar. 

Creio que aqui se desenvolveu a ligeira "obsessão" que o miúdo tem agora por sinos e igrejas que apelida de Casa de Jesus. Como os sons dos sinos e as igrejas são uma constante em terras do Gerês podem imaginar a "loucura". 

Aqui o pai mostrou-lhe a presépio completo com a Maria, o José e o Menino (que eu não tenho em casa porque o Menino só nasce dia 24) e eu sentada na escadaria que leva ao altar, contei-lhe a história do Menino Jesus que cresceu, foi ferido e morto pelos romanos e foi para o Céu onde é a Estrela que brilha mais para lembrar que as pessoas têm de ser boazinhas e se portarem bem -  bastou esta vez para ele nunca mais esquecer e contar a história. 

Ás vezes quando olha para as estrelas procura a Ursa Grande, outras o Menino e outras o Mufasa (Rei Leão).


6 de Dezembro de 2015

Sem comentários:

Enviar um comentário