quinta-feira, 8 de junho de 2017

Aquário Vasco da Gama


Faz parte do imaginário de todos nós, principalmente de quem é de Lisboa e arredores. Na minha infância eram comuns as visitas ao Aquário e o estacionamento estava sempre cheio de camionetas escolares... autênticas visitas de estudo que deslumbravam todos.

Com a abertura do Oceanario e o aparecimento de muitos outros museus e espaços didácticos, o Aquário ficou um pouco erradamente esquecido.

O Aquário Vasco da Gama é um espaço pequeno, barato e muito educativo. Os pequenos têm acesso facilitado aos habitats através de pequenos bancos espalhados pelo espaço e como não tem muitas visitas (ou não tinha, neste Domingo de manhã, fim de Outubro) é perfeito para os miúdos perderem tempo a observar os peixes, para irem, virem, voltarem atrás, voltar a ver enquanto nós os conseguimos observar nestas descobertas sem tropeçar em ninguém.

Obviamente que o Diogo adorou e explorou tudo, até a "sala dos ossinhos" que para ele foi a cereja no topo do bolo porque pode observar o esqueleto de um tubarão, entre outros, mas este fascinou-o.


Já passaram 8 meses desde a nossa ida ao Aquário e ele ainda conta em detalhe algumas coisas e nunca se esqueçeu do tubarão pendurado no tecto.









































Sem comentários:

Enviar um comentário